Rede Iberoamericana de Universidades que promove o empreendedorismo universitário

Formulário de procura

Noticias

O talento ibero-americano cresce na Colômbia com o RedEmprendia Landing

31 Maio 2017

Portuguese
Foto de familia de las empresas participantes en Redemprendia Landing 2017

Em finais de maio, doze startups de cinco países aterravam na Colômbia com um objetivo: explorar oportunidades para internacionalizar as suas empresas na América Latina. A missão comercial do RedEmprendia Landing -realizada graças ao mecenato do Santander Universidades- começava em Manizales ao mesmo que a reunião do Comité Técnico da rede universitária, o que serviu para que as pessoas ficassem a saber mais sobre o funcionamento da RedEmprendia e quem trabalha nos seus programas de apoio ao empreendedorismo. Neste contexto, empreendedores, empresários e académicos partilharam uma semana de aprendizagens e networking não apenas no âmbitos dos negócios quanto também no cultural.

Roberto Rogel, diretor-geral da empresa mexicana Learny Games, contornou esse espírito internacional através de uma anedota que lhe terá acontecido logo depois de ter iniciado a sua viagem com o RedEmprendia Landing. «Peguei um voo de Bogotá para Manizales e na viagem para o hotel, aconteceu-me serem os catedráticos que também fazerem parte da RedEmprendia quem me transportaram.  Isso serviu para quebrar o gelo e poder meter conversa com eles sobre as suas experiências passadas», refere. «Afinal acabámos por ver o jogo do Madrid vs Barcelona no restaurante do hotel».

O tempo dedicado a fazer amizades e conhecer a cultura local de Manizales e Medellín acrescentou valor a uma intensa agenda de negócios, durante a qual os empreendedores realizaram mais de uma centena de encontros com empresas, investidores, grupos de investigação, instituições e representantes do governo.  E os resultados não se fizeram esperar.

César Esquivel, fundador da Blooders, está a trabalhar já para se instalar na Colômbia, depois de ter reunido com os gestores dos principais bancos de sangue e hospitais de Medellín.  A  startup, que desenvolveu uma plataforma digital e uma app para facilitar as doações de sangue no México, participou no RedEmprendia Landing como parte do prémio conseguido em 2016 no programa Demand Solutions do Banco Interamericano de Desenvolvimento.

“Assistir ao Landing ajudou-nos a visualizarmos aquilo de que precisamos para podermos entrar ao mercado colombiano, mas mais ainda garantirmos que começar a expansão em Medellín é uma das melhores formas de crescermos em toda a América Latina», garante César Esquivel.

Foi na capital antioquenha que, por sua parte, a Learny Games encontrou «clientes potenciais com os quais mantemos comunicação» bem como um possível investidor «para dar início a operações com uma sucursal na Colômbia».  Ainda, tanto o governo quanto os atores do ecossistema mostraram «interesse por migrar o videojogo de simulação Cidade Capital para um contexto colombiano», explica o Roberto Rogel.

Outra das empresas às quais o Landing abriu a porta para a internacionalização é a Zonngo, o comparador de preços inteligente desenvolvido no Peru por um grupo de estudantes da Universidad Nacional de Ingeniería. Foi graças ao programa que o Kevin Melgarejo, CEO da startup, conseguiu reunir com importantes empresa colombianas, «entre as quais o Grupo Corona, donos da HomeCenter e a Sodimac, e ainda com a Ruta N, fundos de investimento, investidores anjos e inclusive com a OLX», companhia argentina de anúncios classificados na Internet com presença em 87 países.

O jovem empreendedor peruano descobriu ainda que «o Parque E e a Ruta N estão a acrescentar valor que não tínhamos considerado e que será utilizado na altura em que a expansão se venha a verificar».

Ainda a empresa espanhola Warden Automation tenciona aproveitar os recursos para a criação e desenvolvimento de empreendimentos que oferecem tanto Manizales+ quanto Ruta N e o Parque E. “Isso poderá ajudar-nos a constituir a empresa no nível local e disponibilizar acesso a recursos tão necessários quanto os workshops, formação, networking e acesso ao investimento na Colômbia”, garante o seu representante, Leonardo Téllez.

Um caso particular é o da Dinámico LAB, empresa nascida em Manizales que procurava em Medellín novos clientes e validar o seu modelo de negócio.  Daniel Ocampo, um dos seus fundadores, destaca os encontros com empresas de publicidade, com a autarquia de Medellín e com a Fundação Argos, instituição que promove iniciativas para o desenvolvimento territorial na Colômbia com ênfase na educação.  Destas reuniões resultaram planos de negócio com que se provou que a proposta de valor da Dinámico LAB «é uma ferramenta flexível que pode ser adequada a segmentos de mercadp variados».

Alianças e conhecimento

O acompanhamento da Universidad de Antioquia, que liderou a  organização da missão comercial dentro da RedEmprendia, bem como o apoio da Universidad Nacional de Colombia-Sede Manizales e das restantes instituições parceiras -ANDICâmara de Comércio de ManizalesProantioquia e Centro de Ciência e Tecnologia de Antioquia- foi fundamental para conseguir que as empresas participantes no Landing tirassem o máximo proveito da sua estadia na Colômbia.  É assim que o reconhece  Julio César García, cofundador de FixYou, que sustenta que “o trato, a logística e o conteúdo utilizado foi muito importante para a concretização de um programa de trabalho completo».

«Ir da mão de uma fundação consegue abrir muitas mais portas» acrescenta Leonardo Téllez, e “contar con assessores, tutores, aliados… faz com que cheguemos mais rápido». Mesmo antes de se terem lançado a explorar o mercado colombiano, os participantes no RedEmprendia Landing receberam formação sobre as questões-chave que influenciam o comércio internacional, e debruçaram-se sobre estudos de caso e exercícios práticos que os ajudaram a identificar oportunidades de negócio no país.

Everton Zaccaria, co-fundador da empresa brasileira DSPGeo valoriza o contributo do programa como sendo «uma oportunidade única de conhecer todo o ecossistema doutro país, com o suporte adequado para melhor entender como é que os negócios da região se fazem, e com uma visão completa das possibilidades que existem quer na vertente de contato com o mercado de trabalho quanto nos apoios dados ao desenvolvimento de empresas». 

Na missão comercial RedEmprendia Landing 2017 participaram as seguintes empresas:
FixYouBloodersCocina de MalichaChilipines Learny Games desde o México; Meteosim, Warden Automation e Handstar (Espanha); DSPGeo (Brasil); a argentina BIO Productos S.R.L., a peruana Zonngo e a companhia colombiana Dinámico LAB.

 

COMPARTIR EN